Projeto de prevenção às drogas é lançado em Chã Grande

0
216

Foi lançado nesta terça-feira (19), o projeto “Prevenção às Drogas”, em Chã Grande. Idealizado pela professora de língua portuguesa Joselma Ferreira, a ação foi iniciada pela Escola Municipal XV de Março, que é considerada a maior escola do município, concentrando o maior número de alunos da rede municipal. Entre os participantes no lançamento estiveram professores, gestores escolares, Conselho Tutelar, Casa das Juventudes, CAPS, representantes da saúde pública do município, além da secretária de desenvolvimento social, Alexandra Gomes, e de educação, Joel Gomes.

O professor José Adênio, gestor da Escola XV de Março, foi o responsável por iniciar a apresentação do projeto. Antes da fala da professora Joselma Ferreira, o gestor aproveitou para dar as boas vindas aos participantes, e apresentar algumas questões referentes às drogas no município, e de que maneira tem atuado na população jovem de Chã Grande.

“A Escola XV de Março é uma das maiores do município e com isso faz com que a nossa responsabilidade aumente. Nós temos uma porção de alunos de 11 a 60 anos e com isso faz com que a gente tenha essa preocupação”, disse o gestor José Adênio. “Um dos pontos que a gente pensou nesse projeto é fazer com que os alunos conheçam a realidade das drogas, e saibam quais os malefícios que elas trazem para a sociedade, fazendo com que a escola tenha uma intervenção, tanto educacional quanto esportiva, como também trabalhar outras questões que vão fazer com que ele se ocupe”, completou.

A proposta inicial do projeto, que surgiu como um Trabalho de Conclusão de Curso da professora, é que todas as áreas sociais e educacionais do município, além da segurança pública, se interliguem, formando uma rede de combate às drogas. Para isso, o projeto será estendido também às outras escolas do município.

Para a professora, o melhor remédio na prevenção é a informação. “A prevenção, com as devidas informações corretas, é sempre o melhor método a se tomar. As crianças e adolescentes devem ser informadas corretamente, sobre os malefícios que o uso de drogas podem causar, para que eles possam ter realmente a ideia de não entrar nesse caminho”, disse.

O projeto terá a duração de três meses, com visitas rotineiras às escolas, simulações e teatros, além de uma caminhada pelas ruas de Chã Grande. “A gente vai desenvolver a partir dos professores em si, com informações e os teatros nas escolas para realizar apresentações que eles possam interagir nessas apresentações e ocupar realmente a mente”, finalizou Joselma.

Assessoria de Imprensa – Prefeitura de Chã Grande

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here