Sport bate o Inter de virada e precisa vencer seis de dez

0
106

O pulso ainda pulsa na Praça da Bandeira. Numa vitória emocionante e de virada, o Sport bateu o Internacional, nesta sexta-feira (05), por 2×1 e chegou aos 27 pontos, mantendo-se vivo na luta contra o rebaixamento na Série A do Brasileiro. Mesmo com o triunfo, o Leão permanece na vice-lanterna, três pontos atrás do 16º colocado. Para conseguir se salvar, o time pernambucano precisa vencer seis dos próximos dez jogos que restam. O próximo desafio será contra o Atlético/PR, fora de casa.

Dentro de campo, um primeiro tempo gelado. Daqueles em que é preciso um verdadeiro milagre para conseguir resumir os melhores momentos. O Sport sofreu com vários desfalques, entre eles os quatro jogadores emprestados pelo Internacional, como Ernando, Léo Ortiz, Cláudio Winck e Andrigo, além dos lesionados Rogério e Morato. Com todas essas ausências, Milton Mendes resolveu fazer algumas mudanças. A principal delas foi colocar o meia Michel Bastos atuando como referência no ataque. Também sem Durval, suspenso após ser expulso contra o Atlético/MG, o comandante leonino resolveu dar a primeira chance como titular na temporada para o jovem Adryelson, de apenas 20 anos.

No ataque, Michel Bastos até tentou se movimentar, mas foi pouco municiado pelo trio de armadores. Tanto que nenhuma chance clara de gol foi criada nos primeiro 45 minutos, de nenhum dos lados. Do lado de Adryelson, o prata-da-casa teve uma atuação regular, conseguindo segurar bem os contra-ataques puxado pelos gaúchos.

Na segunda etapa os papéis se inverteram. Com o Internacional passando a dar as cartas, o Sport teve dificuldade para segurar o Colorado. Com apenas um minuto de bola rolando, Patrick (ex-Sport) testou Magrão para a boa defesa do rubro-negro. Mas, aos dez minutos, D’Alessandro entrou no lugar de Rossi e veio para mudar o placar. Aos 21, foi o argentino quem deu linda assistência para Nico López bater rasteiro e abrir o placar: O gol fez com que a torcida leonina iniciasse com mais veemência as vaias.

Curiosamente, serviu para acordar os jogadores do Sport. Aos 32 minutos, Mateus Gonçalves tentou cruzar e quase marcou um golaço com uma grande defesa de Lomba. Mas, na cobrança do escanteio, Adryelson subiu mais do que todo mundo e deixou tudo igual no placar. Voltando a dominar o jogo, o Leão foi em busca da virada e conseguiu aos 42 minutos. Com assistência de Michel Bastos, Mateus Gonçalves bateu rasteiro e fez a Ilha explodir em festa, mantendo viva a esperança de permanência na Série A.

 

Folha de Pernambuco

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here