Frevo e animação marcam abertura da exposição Memórias de um Passado Glorioso, no Instituto Histórico da Vitória

0
111
Fotos: Danilo Coelho e Lays Freitas/Blog Nossa Vitória

Uma noite animada e de muito frevo. Assim foi a abertura da exposição Memórias de um Passado Glorioso, na noite desta sexta-feira (15), no Instituto Histórico e Geográfico da Vitória. A mostra, que apresenta parte do acervo do carnaval vitoriense, segue em exibição até a segunda semana de março, de segunda a sexta.

O público pode conferir fotografias, estandartes, informativos, fantasias, desenhos, abadás antigos, bonecos gigantes, além de peças de alegorias. A exposição tem como curador Kleber de Oliveira. Em discurso, ele destacou a ligação com o carnaval desde a infância. “Ficava na porta de casa esperando os desfiles dos blocos passar”, disse.

O presidente do Instituto Histórico, Pedro Ferrer, enfatizou a importância do carnaval vitoriense e de manter viva as tradições, aproveitando para cobrar maior atenção dos órgãos competentes, mas destacando que “quem faz carnaval é o povo. Quanto menos o poder público intervir, melhor”.

Durante o evento, aconteceu desfile e premiação de crianças fantasiadas. Em seguida, as orquestras Ciclone e Veneosa realizaram um arrastão de frevo até a Praça da Matriz. Entre as autoridades presentes estiveram o vice-prefeito do município Saulo Albuquerque (PRTB), o vereador Novo da Banca (PSD) e o fundador da FACOL e presidente do Clube Abanadores  – O Leão, Paulo Roberto Arruda.

 

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here