Com polêmica, Santa bate o Sport e assume a liderança do PE

0
73

Campeonato Pernambucano tem um novo líder. No primeiro Clássico das Multidões do ano, o Santa Cruz venceu o Sport por 1×0, neste domingo (17) e assumiu a ponta do Estadual com os mesmos 13 pontos que o Central, mas leva a melhor no quesito saldo de gols. O gol foi marcado por Allan Dias, em nova falha do goleiro Magrão. Enquanto o Leão sofre com a pressão, a Cobra Coral agora concentra as suas forças na decisão contra o Náutico nesta quarta-feira (20), pela Copa do Brasil

A animação das arquibancadas não foi repassada para o gramado. Enquanto as torcidas faziam a festa, dentro de campo um primeiro tempo sem brilho, preguiçoso, com poucas emoções. Do lado leonino, o treinador Milton Cruz optou por manter a mesma equipe que foi eliminada no meio de semana da Copa do Brasil, pelo Tombense/MG, gerando críticas por parte da torcida. Já pelo lado tricolor, o técnico Leston Júnior decidiu não poupar os titulares, como muitos imaginavam, e foi com o que tinha de melhor para o confronto.

Nem isso foi suficiente para colocar emoção na partida. Aos quatro minutos veio a primeira boa chance, com Anderson tirando na ponta dos dedos um chute de Kaio. A melhor chance da primeira etapa veio aos 23 minutos, quando Guilherme ficou de frente para Anderson e bateu rasteiro para a boa defesa com os pés do arqueiro coral. No restante, muita transpiração e pouco inspiração. O Santa Cruz não criou nenhuma chance clara de gol.

Na segunda etapa, os times voltaram sem mudanças na escalação, mas o Tricolor voltou com mais postura ofensiva. Tanto que quase abriu o placar aos oito minutos, quando Jô fez boa jogada e cruzou rasteiro para Elias chegar alguns segundos atrasado. O lance acordou a Cobra Coral. Três minutos depois, foi a vez de Guilherme Queiroz fazer boa jogada e manda a bomba para a boa defesa de Magrão.

A pressão coral deu uma trégua, mas aos 26 minutos veio o gol. E da maneira mais dolorosa para os rubro-negros: com nova falha do ídolo Magrão. Após cruzamento de Marcos Martins, Allan Dias cabeceou fraco e o goleiro deixou a bola passar entre as mãos, falhando feio para a festa tricolor no Arruda.

Precisando da vitória para aliviar um pouco a pressão, Milton Cruz tirou o volante Charles e promoveu a estreia do atacante Luan, mas não era dia de Sport. Nos minutos finais, o meia Allan Dias cortou um cruzamento de cabeça e a bola bateu seu braço em seguida, mas o árbitro Luiz Sobral mandou seguir o jogo, gerando revolta dos rubro-negros. Sem criar, a equipe foi derrotada pelo Tricolor, que assumiu a liderança do Campeonato Pernambucano 2019.

 

Folha de Pernambuco

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here